Dizem que o cúmulo da rebeldia é morar sozinho e fugir de casa. Pois bem, sou uma rebelde assumida.

Desde ontem saí de casa. Estou fazendo uma reforma que exigiu que eu desmontasse o meu apê. Estou na casa do meu pai, com quem não moro – nossa agora que me dou conta – há 20 anos! Mas vou revezar e ficar um pouco na casa da minha mãe, de onde saí há quase seis anos, e na casa dos meus avós. Corro o risco de ficar mal acostumada… Hoje acordei depois de todos da casa e a mesa do café estava posta, me aguardando.